top of page
  • Letícia Seneme

Exossomas: uma abordagem revolucionária para o tratamento da pele

No segmento dermatológico e dos cuidados com a pele, a busca por métodos inovadores e eficazes é constante. Uma abordagem que tem despertado grande interesse atualmente é o uso de exossomas no tratamento para renovação e rejuvenescimento celular. Mas, o que exatamente são exossomas e como eles beneficiam a pele?


Aplicação de produto em uma mulher

O que são exossomas?


Os exossomas são pequenas vesículas provenientes de células tronco (de origem vegetal, animal, mineral e de microrganismos) que são liberadas pelas células quando se comunicam. Elas contêm uma variedade de moléculas biologicamente ativas, incluindo enzimas, proteínas, lipídios e material genético (como o RNA) que atuam como sinalizadores celulares. Essas vesículas desempenham um papel crucial na comunicação intercelular, levando informação e proteínas para as células de todo o corpo.


O potencial dos exossomas na dermatologia


Na dermatologia, o exossoma tem despertado interesse devido à sua capacidade de modular diversos processos biológicos envolvidos na saúde da pele. Eles são capazes de transportar uma ampla gama de biomoléculas, incluindo fatores de crescimento, antioxidantes e moléculas anti-inflamatórias, tornando-os candidatos promissores para o desenvolvimento de tratamentos para uma variedade de condições como: eflúvio telógeno, alopecia fibrosante frontal, alopecia androgenética, afinamento dos fios, melasma, rejuvenescimento facial, rosácea, acne ativa e cicatrizes de acne.


Uso de exossomas em tratamentos para a pele


Os exossomas proporcionam muitos benefícios nos cuidados com a pele, incluindo:

  • Rejuvenescimento: os exossomas contêm fatores de crescimento e proteínas que estimulam a produção de colágeno e elastina, ajudando a reduzir rugas, linhas finas e melhorar a firmeza e elasticidade da pele.

  • Hidratação intensa: as propriedades hidratantes dos exossomas ajudam a reter a umidade na pele, proporcionando uma hidratação profunda e duradoura.

  • Redução da inflamação: os exossomas carregam moléculas anti-inflamatórias que acalmam a pele inflamada, reduzindo vermelhidão, irritação e desconforto. Por essa razão também é recomendado como parte do tratamento pós-procedimentos estéticos.

  • Clareamento: alguns exossomas contêm ingredientes que podem ajudar a reduzir a pigmentação irregular e manchas escuras na pele, promovendo um tom de pele mais uniforme e luminoso.


Como os exossomas são aplicados?


Atualmente, existem produtos no mercado com exossomas em pó liofilizado que são bastante utilizados em consultórios dermatológicos. Geralmente, os exossomas são aplicados a partir da técnica de microagulhamento, que consiste em realizar microperfurações na pele e, desta forma, estimular o processo de regeneração. Os locais de aplicação são: rosto, colo, pescoço e mãos.


As perfurações permitem uma entrega e uma absorção mais eficazes das substâncias ativas na pele. Através do microagulhamento, os exossomas são entregues nas camadas mais profundas, garantindo maior eficiência.  


O futuro dos tratamentos com exossomas


Em resumo, os exossomas representam uma nova fronteira na dermatologia, oferecendo uma abordagem inovadora e promissora não só para o tratamento da pele como para tratamentos capilares. Com sua capacidade única de modular processos biológicos, essas pequenas vesículas têm revolucionado a maneira como abordamos os cuidados e tratamento de condições cutâneas. 


Há três estudos sobre os exossomas que se destacam atualmente:


  • Exossomos derivados de células-tronco mesenquimais/estromais para terapêutica imunomoduladora e regeneração da pele. Disponível em: https://bit.ly/4ejRJ4z;

  • Vesículas extracelulares de lactobacilos: potenciais pós-bióticos para apoiar a homeostase da microbiota vaginal. Disponível em: https://bit.ly/3VaFApJ;

  • Uma área promissora de pesquisa em medicina: avanços recentes nas propriedades e aplicações de exossomos derivados de Lactobacillus. Disponível em: https://bit.ly/3Ra1ok2.


A Biovital disponibiliza para o mercado magistral o Lactosome 55, um exossoma  derivado do Lactobacillus brevis J2K-55, um microrganismo benéfico e poderoso isolado do Kimchi, um alimento tradicional coreano que é reconhecido por seus benefícios à saúde. 


Durante o processo de fermentação do Kimchi, são produzidas várias substâncias ativas, incluindo bactérias benéficas e ácido lático, que contribuem para sua reputação como alimento saudável. O Lactosome 55 herda essas propriedades benéficas do Kimchi, oferecendo uma rica fonte de nutrientes e moléculas bioativas para a pele. Sua inclusão em produtos para cuidados com a pele promete proporcionar hidratação intensa, redução da inflamação e regeneração celular. 


Sugestões de fórmulas com o Lactosome 55


Sugestões de fórmulas

Sugestões de fórmulas

Sugestões de fórmulas

Sugestões de fórmulas


Se quiser saber mais sobre o Lactosome 55 acesse sua literatura científica clicando aqui ou entre em contato conosco através dos canais: 0800 600 6411 | (16) 3509-1900 | vendas@biovital.ind.br.


A Biovital é uma distribuidora de insumos nutricionais e cosméticos para o mercado magistral e industrial, portanto, não fornece produtos acabados para o público em geral.


Comments


bottom of page