Benjoim

Descrição Química (CAS): Styrax benzoin resin oil (84929-79-3). 

O QUE É

Benjoim é uma resina balsâmica que pode ser extraída das seguintes espécies: do Styrax tonkinense (Pierre) Craib, do Styrax siamense Rorodorf e do Styrax benzoides Craib e talvez de outras espécies de Styrax orientais. O Código Farmacêutico desta mesma edição o descreve da seguinte maneira: “O benjoim apresenta-se sob duas formas diferentes: em grossas lágrimas, globuloso-angulosas, de cor amarela pardacenta no exterior, luzidias e branco-leitosas no interior, livres ou aglutinadas (benjoim em lágrimas); ou então em massas de fratura granitóide, compostas de lágrimas de tamanho variável, frequentemente pequenas e pouco numerosas, englobadas em uma substância resinosa de cor pardoacinzentada ou avermelhada, quase sempre porosa (benjoim amidalóide). Seu cheiro é suave, aromático, semelhante ao da baunilha e seu sabor é a princípio adocicado, tornandose depois levemente picante e acre”.


INDICAÇÕES

O benjoim é indicado na bronquite, no enfisema e na asma. Topicamente, é usado nas feridas, nas ulcerações, nas micoses, nas gengivites, nas parodontopatias, na acne, nos furúnculos, nos eczemas e na psoríase. É também utilizado como fixador de certos perfumes, como ingrediente na fabricação de chocolate e de sabão.


CONTRAINDICAÇÕES

Os vapores desprendidos pelo Benjoim podem desencadear acessos de tosse. A resina em pó pode provocar dermatite de contato, principalmente em pessoas que possuem a pele sensível.


APLICAÇÃO E DOSAGEM RECOMENDADA

  • Uso Interno:

Resina: 250 a 500 mg/dose, duas ou três vezes ao dia (como expectorante e antisséptico pulmonar);

Extrato Fluido (1:1): 10 a 30 gotas, uma a três vezes ao dia;

Tintura (1:10): 40 a 60 gotas, uma a três vezes ao dia.

  • Uso Externo:

Em pomadas, loções e linimentos.

74562334454.jpg

Acesse a categoria desejada abaixo: