Rua Dona Ana Prado, 245 - São Carlos-SP 16 3509-1900 0800-600-6411

Item adicionado ao orçamento


ÓLEO DE ARGAN

Gostou? compartilhe!

Descrição do Produto

O Óleo de Argan é extraído das sementes produzido das frutas (nozes) da árvore de argan. É puro e natural e possui certificado orgânico. Estas árvores crescem em algumas poucas regiões da África, como o Marrocos, por isso este é um dos óleos mais raros do mundo, graças ao seu pequeno suprimento e área limitada de crescimento, consequentemente com alto custo.

Tradicionalmente o óleo é produzido manualmente: primeiro a polpa é retirada das nozes, que são deixadas ao sol para secar. São utilizadas pedras para abrir as nozes secas para que as sementes possam ser removidas. Em seguida elas são levemente tostadas, para dar ao óleo um sabor rico e agradável. Um pouco de água é adicionada às sementes tostadas que são transformadas em uma pasta grossa, amassadas à mão para extrair o óleo.

Os marroquinos utilizam o óleo de Argan como ativo no tratamento da pele e cabelos há séculos. O óleo, que é rico em ácidos graxos insaturados principalmente Ômega 9 e tocoferóis naturais, se mostra bastante útil na melhora da força e saúde dos cabelos.

Surpreendentemente o Óleo de Argan não tem sensorial oleoso e/ou gorduroso comumente encontrado nos óleos com alto teor de insaturados; por isso se tornou popular em tratamentos reparadores de cabelos danificados. Ele é excelente para hidratar e melhorar o brilho e maciez dos cabelos.

Composição graxa
Palmítico 12.0%
Esteárico 6.0%
Oleico 42.8%
Linoleico 36.8%
Linolênico <0.5%

O óleo de argan é excepcionalmente rico em tocoferóis naturais (vitamina E), rico em fenóis e ácido fenólico, rico em carotenos, em esqualeno, em ácidos graxos essenciais. Tem 80% de ácidos graxos insaturados e, dependendo do método da extração, pode ser mais resistente a oxidação do que o óleo de oliva.

Propriedades
Cabelos
Seu benefício primário vem de sua habilidade natural de hidratar - o que ajuda a diminuir o frizz, os fios revoltos e difíceis de controlar dos cabelos rebeldes. Semelhante as propriedades do óleo de jojoba, o Óleo de Argan consegue penetrar na fibra capilar e quase instantaneamente, melhorar a elasticidade folicular e aumentar a nutrição.

É rico em antioxidantes naturais que são efetivos combatentes de radicais livres, ajudando a reparar danos na membrana celular, aumentando a força da fibra capilar.
Contém vitamina E que dá vida aos fios e ajuda a renovar os cabelos com danos causados pelo calor, vento, oxidação ou excesso de escova e química.
É um ativo muito eficaz no tratamento de cabelos danificados, capaz de nutrir e reestruturar cabelos secos e quebradiços, além de proteger de danos térmicos. Como benefício adicional, o Óleo de Argan parece ajudar cabelos coloridos quimicamente: os ácidos graxos essenciais suavizam e revestem a fibra capilar desde o folículo por toda a sua extensão, ajudando a manter a cor dos cabelos coloridos por mais tempo.

Ele é o tratamento capilar eleito pelos profissionais e clientes já que seus efeitos benéficos são percebidos desde a primeira aplicação. Danos causados por escova excessiva, permanentes, químicas ou pelo próprio ambiente deixam os cabelos secos e fracos – diminuindo o crescimento e aumentando o frizz, o Óleo de Argan é um excelente ativo para reestruturar os cabelos, fortalecendo-os contra estes danos tão comuns.

Pele
Tem o dobro de vitamina E que óleo de oliva e é rico em antioxidante - que ajuda a neutralizar os radicais livres, prevenindo danos na pele. Contém esteróis de plantas raras que têm propriedades anti-inflamatórias. Contém saponinas que suavizam a pele e diminuem a acne e eczema, além de reestruturar a barreira lipídica da pele, prevenindo a perda de água transepidermal - ajudando a minimizar as linhas de expressão.

O Óleo de Argan é rico em ácidos linoleico e oléicos, que ajudam a proteger e manter a integridade, maciez e suavidade da pele. O alto nível de tocoferóis também adiciona aos benefícios a atividade anti radical livre, que protege contra a oxidação: uma das causas do envelhecimento.

Deve-se tomar cuidado, no entanto, com o alto nível de ácido oléico - que é comedogêncico e deve ser evitado em peles altamente oleosas, podendo causar acne inflamatória. No entanto, tomando este cuidado ele é altamente benéfico, aumentando também a permeabilidade da pele, resultando em uma pele macia, hidratada e protegida contra os danos ambientais que podem levar ao envelhecimento precoce.

Confira os estudos completos na literatura abaixo.

INCI Name (CAS): Argania spinosa kernel oil (223747-87-3).

Não informado


Aplicação

Preço Sob Consulta



Clique na imagem para ampliar.