• Letícia Seneme

Waterless Beauty: nova tendência de cosméticos sem água

Na última segunda-feira (14) nossa Diretora Técnica e de Marketing, Maria Alice Marques, participou do Prime Estética Experience, um evento promovido pela Prime Pharma no Rio de Janeiro.



Este evento reuniu profissionais da área da estética do Brasil inteiro, com o objetivo de apresentar o cenário atual desse mercado, assim como suas principais tendências, apresentando temas relevantes para os segmentos facial, corporal e capilar.

Maria Alice é graduada em Química (Bacharelado) pela Universidade Federal de São Carlos (UFScar) e pós-graduada em Propaganda e Marketing pela ESPM. Possui quase 30 anos de experiência como Diretora Técnica pela Vital Especialidades, hoje Biovital e Ecovital. Ao todo, conta com quase 40 anos de experiência no segmento cosmético e farmacêutico.

Sua participação no evento teve como tema “Waterless Beauty: cosméticos sem água”, e aqui separamos os principais pontos trazidos por ela durante sua fala no Prime Estética Experience.


O problema da água

Além do nosso consumo e de compor 70% do nosso corpo, a água está presente na maior parte dos produtos industrializados que consumimos, seja em sua composição, fabricação ou até mesmo no transporte.

A água é um recurso renovável, porém limitado e cada vez mais precisa ser vista através dos olhos do consumo consciente. Problemas como contaminação, escassez e crise hídrica surgem devido a uma série de fatores que prejudicam o meio ambiente, como: desmatamentos, descarte inadequado de lixo, emissão de poluentes na atmosfera entre outros.

Atualmente, não há dúvidas de que a falta dela será um dos maiores problemas ambientais e também financeiros no futuro. Por todo o mundo a gestão da água tem se dado de maneira irresponsável, não só no setor industrial.


Alguns dados importantes

Aproximadamente 97% de toda a água que existe no planeta é salgada; quase 2% dela é doce e se concentra, na maior parte, em geleiras (pólos), aquíferos e poços artesianos; menos de 1% corresponde à água doce de lagos, rios e demais fontes disponíveis para as necessidades humanas.

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), mais de 2 bilhões de pessoas não possuem acesso suficiente à água potável para necessidades básicas, somente no Brasil já são mais de 30 milhões, e em 2019 o país desperdiçou 39,2% de toda a água potável captada. Enquanto isso a África Subsaariana possui uma disponibilidade de apenas 24% de água potável.

A estimativa é que em 2050 faltará água para cerca de 5 milhões de pessoas no mundo, mais ou menos a metade da população estimada para o período.


Consumo consciente

Pequenos hábitos cotidianos que para nós não afetam muito o consumo de água, como: lavar a louça, escovar os dentes, tomar banho, lavar o carro, lavar roupa e o descarte do lixo também têm sua parcela de responsabilidade sobre seu uso.

Um ponto positivo da realidade atual é que nós, consumidores, estamos refletindo cada vez mais sobre os produtos que consumimos e buscamos nos manter informados sobre os impactos que nossas ações refletem no meio ambiente.

A ideia do consumo consciente se baseia na mudança dos nossos hábitos para prezar por uma sociedade mais ecológica e sustentável, desde o consumo de alimentos, até o consumo de roupas/sapatos e produtos cosméticos.

A partir dessa necessidade de consumir de maneira mais equilibrada e ecológica, a indústria da beleza tem caminhado para alternativas mais sustentáveis e menos prejudiciais ao meio ambiente ao pensar seus produtos, as chamadas tendências verdes. A partir disso, muitos movimentos novos com uma pegada mais ecológica têm ganhado força no panorama global de beleza e o Waterless Beauty é um deles.


O que é o Waterless Beauty?

Em tradução livre, Waterless Beauty significa “beleza sem água” e, como o próprio nome já diz, o movimento é caracterizado por pensar fórmulas cosméticas que reduzam ou eliminem totalmente o uso de água.

Seguindo essa ideia, muitas marcas apresentam soluções alternativas para a economia de água, como produtos de enxágue rápido, por exemplo, mas o foco do movimento Waterless Beauty são os produtos que não possuem água em sua composição e que fazem a substituição por óleos vegetais, manteigas e tensoativos em pó.

As formulações sob o conceito Waterless, possuem o formato em barra ou em e são mais compactas, concentradas e, com certeza, mais ecológicas.


Mas a falta de água não prejudica a formulação?

A maioria dos cosméticos são feitos à base de água, seja como componente seja como recurso para produção e uso do produto. Porém, ao acrescentar água, cria-se a necessidade do uso de conservantes, emulsionantes e aditivos antibacterianos que, além de serem prejudiciais para nós, podem causar irritações e alergias, também são para o meio ambiente.

Ademais, produtos mais líquidos tendem a ter uma eficácia geral reduzida e quanto menor a eficácia maior a necessidade de consumo, o que aumenta também a quantidade de lixo (embalagens) produzido e a poluição ambiental, uma vez que o descarte do lixo nem sempre é feito de maneira correta. Além disso, quando usada em excesso, a água pode ressecar a pele a longo prazo, prejudicando nossa barreira cutânea natural.

Depois dessa pequena introdução sobre os problema do uso da água e como eles se relacionam ao consumo também de cosméticos, foram apresentadas algumas sugestões de fórmulas, desenvolvidas por nós, que são compostas pelos nossos principais ativos e que se enquadram sob o conceito Waterless Beauty.


Sugestões de Fórmulas para Skin Care

· Sabonete Facial para Pele Oleosa/Acne

· Sabonete Facial Esfoliante

· Sabonete Facial Nutritivo

· Powder Soap

· Pó Dermomineral Iluminador

· Máscara Facial Clareadora

· Gloss de Preenchimento Labial

· Sérum In Oil Drop


Sugestões de Fórmulas – Hair Care

· Shampoo Sólido Anti-Queda

· Shampoo em Barra com 4D Hair

· Condicionador Sólido Pró-Aging

· Máscara Capilar Sólida


Se tiver dúvidas ou quiser saber mais sobre essas formulações entre em contato conosco através dos canais: 0800 600 6411 | (16) 3509-1900 | vendas@biovital.ind.br.

- Fontes:

Texto: Mergulhe na tendência Waterless Beauty: cuidados que não possuem água na sua fórmula. Autora: Susana Krauss. Disponível em: https://lifestyle.sapo.pt/moda-e-beleza/beleza-e-estetica/artigos/mergulhe-na-tendencia-waterless-beauty-cuidados-que-nao-possuem-agua-na-sua-formula.

Texto: Waterless Beauty: entenda o conceito que revoluciona a indústria dos cosméticos. Disponível em: https://www.usebob.com.br/blogs/news/waterless-beauty-entenda-o-conceito-que-revoluciona-a-industria-dos-cosmeticos.

Texto: 2,1 bilhões de pessoas não têm acesso a água potável em casa, e mais do dobro de pessoas não tem acesso a saneamento seguro. Disponível em: https://www.unicef.org/angola/comunicados-de-imprensa/21-bilh%C3%B5es-de-pessoas-n%C3%A3o-t%C3%AAm-acesso-%C3%A1gua-pot%C3%A1vel-em-casa-e-mais-do-dobro.