Ginkgo Biloba EG

INCI Name (CAS): Ginkgo Biloba Leaf Extract (90045-36-6).

O QUE É? 

Ginkgo Biloba é um derivado fitoterápico obtido da árvore Salisburia adiantifolia nativa da Coreia, China e Japão. O extrato de Ginkgo biloba é uma das 10 ervas medicinais mais usadas em todo mundo.


Atualmente, existe tendência para o uso de produtos naturais, assim como um aumento da procura por produtos que retardam o envelhecimento cutâneo. O Ginkgo tem sido utilizado no tratamento profilático do envelhecimento celular e no tratamento estético pela sua ação protetora contra radicais livres e pela inibição da destruição do colágeno. 


Contém diversos princípios ativos como terpenos (ginckgólicos e bilobálidos), pró-antocianidinas e glicosídeos flavonídicos, que atuam no sistema circulatório e no metabolismo celular. Aos produtos extrativos (extrato seco) ginkgólidos da Ginkgo Biloba são atribuídos efeitos vasoativos sobre a microcirculação, arteriorlar e capilar (anti-isquêmico, antiagregante plaquetário, anti-radicais livres de oxigênio, hemorreológicos).


Seu mecanismo de ação é vascular, ou seja , atuando em nível arteriolar, produzindo vasodilatação tanto em artérias de pequeno calibre como nas de grande calibre. Diminui a permeabilidade capilar e a viscosidade sanguínea, produzindo vasodilatação espasmódica por atuar sobre as fibras musculares lisas dos vasos e antagonizar a ação da acetilcolina e da histamina. 


Devido a sua atividade antioxidante, protege a pele das radiações ultravioleta (UV), prevenindo o envelhecimento cutâneo causado pela destruição do colágeno e despolimerização do ácido hialurônico. Atua ainda na regulação da secreção sebácea, possuindo também atividade anti-irritante, ativa o metabolismo celular e inibe a fosfodiesterase, o que lhe confere ação lipolítica (Kede; Sabatovich, 2004). 


INDICAÇÕES

Ginkgo Biloba possui efeitos reológicos: protege contra as tromboses, inibindo o crescimento dos trombos plaquetários; é indicado ainda para transtornos vasculares periféricos: arteriopatias dos membros inferiores e suas complicações tróficas, transtornos vasomotores distais e comprometimento da microcirculação.


Tem atividade sobre os radicais livres e é empregado em tratamentos estéticos, devido a sua propriedade anti-inflamatória e antioxidante, atuando como profilático do envelhecimento celular, inibindo a destruição do colágeno e a despolimerização do ácido hialurônico e promove regularização das secreções sebáceas, em peles secas e desidratadas.


APLICAÇÃO

Pode ser incorporado em:

  • Cremes;

  • Loções;

  • Géis;

  • Produtos para banho;

  • Máscaras faciais;

  • Produtos pós-barba.


DOSAGEM USUAL

5 a 10%.

74562334454.jpg

Acesse a categoria desejada abaixo: