Rua Dona Ana Prado, 245 - São Carlos-SP 16 3509-1900 0800-600-6411

Item adicionado ao orçamento


LUMIN WHITE

Gostou? compartilhe!

Descrição do produto

Lumin White® é um ativo clareador rico em ingredientes naturais e biotecnológicos que promove clareamento uniforme sem acarretar efeitos indesejáveis restaurando a beleza e luminosidade da pele. Lumin White® é uma alternativa vegetal segura e eficaz e sem os efeitos indesejáveis da hidroquinona.

Propriedades & Conceitos
O conceito de beleza procurado pela grande maioria das mulheres é o de uma pele jovem, isenta de manchas ou rugas. A Biovital traz para o mercado dermocosmético uma tecnologia exclusiva que uniformiza e renova o tecido cutâneo, combatendo as manchas promovendo a auto-estima e bem estar.

Os componentes dilaurato de sacarose, extrato de ervilha e hialuronato de sódio foram selecionados para a obtenção do Lumin White®. Esses componentes foram identificados como resultado da inibição da melanogênese com mecanismo de ação diferenciado quando comparado a agentes clareadores tradicionais como: arbutin e ácido kójico (inibidores diretos da tirosinase) ou derivados do ácido ascórbico (antioxidantes).

Para o desenvolvimento do Lumin White®, primeiramente foram identificados vários glicosídeos de ésteres de ácidos graxos para inibir a melanogênese in vitro. Pois, esses compostos são conhecidos pela sua segurança, eficácia e estabilidade e ainda representam uma família de compostos com excelente potencial para clareamento da pele. Entre vários ésteres de ácidos graxos de glicose, frutose, trealose e sacarose, o éster derivado da sacarose foi o que apresentou a maior atividade inibidora da melanogênese.

Na segunda fase, o extrato de ervilha foi associado ao dilaurato de sacarose por apresentar efeito sinérgico na redução da atividade da tirosinase. O sinergismo entre os componentes tem sido comprovadamente eficaz e seguro.

Mecanismo de ação
A eficácia do efeito sinérgico dos ingredientes do Lumin White® e o seu mecanismo de ação na formação da melanina foi avaliada in vivo e in vitro. Sendo assim, seu mecanismo de ação está baseado na:

1. Diminuição da expressão do gene PMEL 17, envolvido na maturação dos melanossomas e na síntese da melanina.
2. Inibição da atividade da tirosinase nos melanócitos B16.
3. Inibição da melanogênese (na formação da melanina em melanócitos B16).

Dosagem Usual: 2-5%

Não informado


Aplicação

Preço Sob Consulta



Clique na imagem para ampliar.